Feedback Imprimir

Windows

O instalador do Scriptcase habilita, no PHP, o módulo MySQL por padrão, bastando apenas realizar a conexão com o banco de dados a partir do Scriptcase.

Se você estiver utilizando um ambiente próprio, pré-configurado, então a extensão MySQL deve ser habilitada no PHP.

Server sent charset unknown to the client
Caso esteja utilizando o MySQL 8, devido ao bug do PHP 7 será exibido o erro acima.
Clique aqui e veja como contornar este erro.

MySQL PDO

Configurando MySQL PDO no Windows

A instalação automática do Scriptcase já habilita automaticamente a conexão MySQL.

MySQLi

Configurando MySQLi no Windows

A instalação automática do Scriptcase já habilita automaticamente a conexão MySQL.

Criando um Conexão no Scriptcase

Após acessar um projeto do seu Scriptcase, clique no ícone para criar uma nova conexão ou acesse o menu “Banco de Dados > Nova Conexão”

Criando uma nova conexão Criando uma nova conexão

Após isto, será exibida uma tela com todas as conexões de banco de dados. Selecione a conexão “MySQL”

Selecionando a conexão ao banco de dados MySQL Selecionando a conexão ao banco de dados MySQL

Conexão : Neste momento deverá ser informado os dados para conexão ao seu banco de dados:

Conectando ao banco de dados MySQL Conectando ao banco de dados MySQL

  • Nome da conexão : Defina o nome de sua nova conexão.
  • Modelo do SGDB : Definido como MySQL PDO.
  • Servidor do SGDB : Insira o IP do servidor onde está localizado o Windows
  • Porta : Defina a porta que será usada na sua conexão. Por padrão a porta é a 3306.
  • Usuário : Informe o usuário para conseguir acesso ao seu Windows.
  • Senha : Informe a senha para conseguir acesso ao seu Windows.
  • Base de Dados : Clique em “Listar base de dados” e selecione a base de dados desejada.
  • Testar conexão : Exibirá se a conexão foi realizada com sucesso ou não.

Configurando a segurança no Windows Configurando a segurança no Windows

  • Usar SSL : Ativa ou desativa a utilização de conexões seguras no Windows.
  • Chave do cliente : Caminho par a chave de identificação privada do cliente no formato PEM.
  • Certificado do cliente : Caminho para o certificado de chave pública do cliente.
  • Caminho CA : Caminho para um diretório que contém certificados de autoridade (CA) no formato PEM. Essa opção, se utilizada, deve especificar o mesmo certificado usado pelo servidor.
  • Certificado CA : Caminho para o certificado de autoridade (CA) no formato PEM. Essa opção, se utilizada, deve especificar o mesmo certificado usado pelo servidor.
  • Chiper específico : Uma lista de cifras permitidas para usar para criptografia de conexão. Se nenhuma cifra na lista é suportada, a conexão SSL não irá funcionar.

Para mais detalhes, consulte: Configurando o MySQL para usar conexões seguras

Para mais detalhes na configuração da conexão do banco da dados clique na aba Avançado :

Configuração avançada da conexão do banco de dados MySQL Configuração avançada da conexão do banco de dados MySQL

  • client_encoding : Codificação do seu banco de dados.
  • Separador de decimal : Selecione o tipo do separador, entre vírgula e ponto.
  • Conexão Persistente : Conexões persistentes são conexões que não fecham quando a execução do seu script termina.
  • Usar o schema antes do nome da tabela : Permite a utilização de schemas antes dos nomes das tabelas.

Filtro : Ao acessar esta aba podemos configurar quais tabelas serão exibidas na conexão:

Filtrando a conexão do banco de dados MySQL Filtrando a conexão do banco de dados MySQL

  • Exibir - Permite a exibição de filtros nas tabelas, views, tabelas de sistema e procedures.
    • Tabelas - Permite configurar a exibição das tabelas de sua base de dados.
    • Views - Permite configurar a exibição das Views de sua base de dados.
    • Tabelas do Sistema - Permite configurar a exibição das tabelas do sistema de sua base de dados.
    • Procedures - Permite configurar a exibição das Procedures de sua base de dados.
  • Filtros - Permite definir quais tabelas e proprietários serão exibidos.
    • Tabelas - Permite configurar um prefixo (prefixo%) ou nome de tabelas para exibição.
    • Proprietário - Permite configurar o proprietário de tabelas para exibição.
    • Exibir - Permite configurar se será exibido ou não a configuração de tabelas e proprietários.