Feedback Imprimir

Administração

Acesso restrito a usuários com privilégio de administrador. Temos acesso as principais configurações do Scriptcase.

Acesse Configurações > Administração.

Acesso ao administrativo

Menu lateral das configurações administrativas do Scriptcase.

Menu lateral de opções

Abaixo iremos detalhar cada uma das opções de configuração.

Configurações do Sistema

Tela de Configurações do Sistema, onde podemos definir diversas configurações que serão perceptíveis a todos os usuários do sistema.

Acesso ao administrativo - Configurações do Sistema

  • Idioma - Define o idioma padrão ao criar projetos.
  • Quantidade de compilações em paralelo - Define a quantidade de segmentos usados para gerar as aplicações.
  • Exibir o tempo de compilação das aplicações individualmente - Permite a exibição do tempo de compilação de cada aplicação.
  • Quantidade de cópias automáticas das aplicações - Define a quantidade de cópias que o restore de aplicações irá armazenar.
  • Avisar se o Backup do sistema não for realizado em (dias) - Define o número em dias para informar aos usuários selecionados que o último backup realizado tornou-se obsoleto.
  • Mostrar aviso do backup para - Define os usuários que serão avisados sobre o backup obsoleto.
  • Verificar por novas versões do Scriptcase após login - Permite a verificação automática por novas versões da ferramenta, disponíveis para atualização.
  • Verificar versão nos dias - Permite selecionar um dia da semana para que ocorra a verificação de nova versão.
  • Timeout de Aplicações (minutos) - Tempo limite para a execução de scripts (PHP), durante o desenvolvimento das aplicações, ex. compilar a aplicação, análise de selects, salvar a aplicação etc. (em segundos).
  • Exibir Mensagem do status da geração - Permite definir se as mensagens das ações que o Scriptcase está realizando quando o usuário compila (botão Compilar) ou executa (botão Executar) uma aplicação, sejam exibidas plenamente, parcialmente ou não sejam exibidas. As opções são:
    • Principais - Exibe apenas um subconjunto das mensagens;
    • Nenhuma - Inibe a apresentação das mensagens;
    • Todas - Habilita a exibição de todas as mensagens de status.
    • Usar cache para campos das tabelas - Com esta funcionalidade ativada a mesma permite uma maior velocidade no ato da consulta.

Para que a opção recuperar senha do Scriptcase, disponível no login do Scriptcase funcione, é necessário configurar corretamente as configurações de envio de e-mail abaixo.

  • Servidor SMTP - Deve ser informado o endereço do servidor SMTP, responsável pelo envio de email.
  • Porta do SMTP - Informe a porta do servidor SMTP. Esta informação deve estar em conformidade com a opção Conexão Segura. Utilize 465 para SSL. Ao omitido, o Scriptcase assumirá o valor default: 25.
  • SSL - Define a utilização ou não do SSL.
  • Usuário do SMTP - Informe o Usuário do servidor SMTP.
  • Senha do SMTP - Informe a Senha do servidor SMTP referente ao usuário informado.
  • E-Mail do SMTP - Informe o e-mail de origem das mensagens.
  • Servidor de PROXY - Informe o IP do servidor de proxy.
  • Porta do PROXY - Informe a porta do servidor de proxy
  • Usuário do PROXY - Informe o usuário do proxy.
  • Senha do PROXY - Informe a senha do usuário do proxy.
  • Utilizar sessão em banco de dados - Permite utilizar sessão em banco de dados.
  • Exibir opção de utilizar sessão em banco de dados na publicação - Permite a exibição da opção de utilizar sessão no banco de dados da publicação.
  • Passar o ID da sessão PHP no url - Permite passar a url do PHP.

Valores Padrão

Onde definimos as configurações padrão para a criação de novas aplicações em todos os projetos, caso o projeto não possua suas próprias configurações. Para alterar estas configurações apenas no projeto, acesse o menu Projeto > Valores Padrão.

Dados Gerais

Valores Padrão - Dados Gerais

  • Imagem do Logotipo - Logotipo utilizado no título da aplicação. Customize o projeto utilizando o mesmo logotipo em todos os títulos da aplicação.
  • Quantidade de Registros na Paginação - Quantidade de exibição de registro por páginas.
  • Esquema - Esquema padrão dos projetos
  • Exibir Sumário - Exibir o número de registros exibidos na pasta, e o total de registros da aplicação. Esta opção será executada apenas se a opção linha, na barra de ferramentas não estiver em uso.
  • Usar template no Editor HTML - Define se será utilizado o novo Tiny MCE. Ao marcar sim devemos selecionar um tema na opção abaixo.
  • Template do editor HTML - Define o esquema que o campo EditorHTML irá utilizar.

Ordenação Dos campos

  • Texto - Define a ordenação inicial dos campos texto.
  • Data - Define a ordenação inicial dos campos data.
  • Número - Define a ordenação inicial dos campos número.
  • Moeda - Define a ordenação inicial dos campos moeda.

Consulta

  • Largura da Tabela - Define a largura das consultas. Pode ser em pixel ou porcentagem.
  • Unidade da Largura da Tabela - Define a unidade de medida da largura da tabela.
  • Tabular Quebras - Tabulação das quebras, esta opção irá funcionar caso possua duas ou mais quebras na consulta.
  • Dividir a Quebra - Espaçamento em pixel entre as quebras.
  • Linhas por página - Define quais as opções serão exibidas para a quantidade de linhas por página. Se você precisa de uma opção para mostrar todas as linhas, adicionar “all” (todos) nas opções. Ex.: 10,20,30,all

Formulário

  • Largura da Tabela - Define a largura das consultas. Pode ser em pixel ou porcentagem.
  • Unidade da Largura da Tabela - Define a unidade de medida da largura da tabela.

Aba

  • Alinhamento das abas - Define o alinhamento das abas da aplicação gerada.

Menu

  • Alinhamento Horizontal do Menu - Define o alinhamento Horizontal do menu.
  • Alinhamento Horizontal dos Itens -

Template

Definição dos templates utilizados no cabeçalho e rodapé de cada uma das aplicações do Scriptcase.

Valores Padrão - Templates

Botões da Barra de Ferramentas

Definição dos botões da barra de ferramentas das aplicações. Os botões disponíveis dependem do tipo da aplicação. É possível também criar grupos de botões e configurar os botões da versão mobile e desktop.

Valores Padrão - Botões da Barra de Ferramentas

Diretórios do Sistema

Diretórios onde diversas informações e modelos serão armazenados pelo Scriptcase. Todos os diretórios são configurados automaticamente durante a instalação do Scriptcase, tornando desnecessária qualquer alteração por parte do usuário. Aconselhamos não realizar nenhuma alteração nestes diretórios e utiliza-los apenas como fonte de informação, caso necessite acrescentar alguma informação, como ícones ou novos modelos de bordas.

Valores Padrão - Diretórios do Sistema

  • Diretório Raiz dos Documentos do Web Server - Raiz do servidor WEB, onde o Scriptcase está instalado. Em servidores IIS o padrão seria “inetpub/wwwroot”.
  • Caminho da Aplicação - Local onde as aplicações criadas pelos usuários serão armazenadas.
  • Caminho da Produção - Caminho onde fica o diretório “prod” dentro do Scriptcase, nesse diretório estão todos os arquivos e bibliotecas de que as aplicações geradas necessitam para serem executadas.
  • Diretório para Documentos - Diretório onde os documentos utilizados nas aplicações serão armazenados.
  • Diretório para Imagens - Diretório onde as imagens utilizadas nas aplicações serão armazenadas. As imagens carregadas nas aplicações, através do campo upload (imagem nome do arquivo) serão armazenadas neste diretório.
  • Diretório para arquivos temporários - Diretório onde as imagens manipuladas na aplicação deverão ser armazenadas temporariamente. Esse armazenamento temporário é uma condição que o código HTML estabelece para poder abrir corretamente essas imagens e a definição de um diretório específico para essas imagens evita que as mesmas se misturem a uma galeria de fotos existente.

Tipo de Segurança

 Devemos definir a forma de armazenamento dos dados de acesso e o tipo de segurança que será utilizado.

Tipo de segurança do sistema

Tipo de Segurança - Forma de armazenamento dos dados de acesso. Podemos selecionar entre Scriptcase ou LDAP.

  • Scriptcase - Dados de acesso dos usuários serão armazenados no banco de dado do Scriptcase.
  • LDAP - Dados de acesso dos usuários estarão armazenados em um servidor LDAP, que será consultado pelo Scriptcase para validar o acesso.

Nível de Seguança - Tipo de segurança que será utilizado, esta opção é igual independentes da forma de armazenamento selecionada.

  • Usuário - As permissões são definidas para cada usuário. Nesta opção as permissões devem ser configuradas individualmente.
  • Groupo - As permissões são definidas para grupos de usuários. Nesta opção, iremos vincular os usuários à um ou mais grupos, e definir as permissões serão para os grupos, os usuários vinculados aos grupos herdam as permissões.
  • Groupo/Usuário - Nesta opção, as permissões são definidas para os grupos de usuários e/ou para os usuários individualmente. Neste tipo de segurança as permissões do grupo e do usuário são somadas. Desta forma, por exemplo, poderá existir usuários pertencentes ao mesmo grupo mais que possuem permissões diferentes.

As opções dos níveis de Segurança são iguais independentemente do tipo de segurança selecionado. (Scriptcase ou LDAP)

Usuários

 Tela de gerenciamento dos usuários do sistema, nela iremos visualizar uma lista de todos os usuários cadastrados no sistema. Temos, dentre outras, a opção de incluir novos usuários ou editar os existentes.

Esta opção estará disponível no meu lateral apenas ao selecionarmos Scriptcase no Tipo de Segurança

Tela de configuração de log

  • Usuário - Login dos usuários cadastrados.
  • Inclusão - Data e hora da criação dos usuários.
  • Aplicações - Número de aplicações criadas por cada usuário.

Ação

  • Detalhe - Detalhes dos usuários, como e-mail de contato, seus privilégios, projetos e grupos de usuários que fazem parte.
  • Edição - Edição do privilégios de utilização e projetos que tem acesso.
  • Trocar Senha - Alterar a senha do usuário.

Abaixo, iremos especificar algumas opções descritas acima.

Novo Usuário

Ao clicar no botão, Novo Usuário seremos redirecionados para a tela de inclusão de usuários, onde definimos seu login, senha, privilégios entre outras coisas.

Tela de Inclusão de usuários do Scriptcase

  • Usuário - Informe um login para o usuário.
  • e-mail - Definição do e-mail de contato do usuário.
  • Nova Senha - Definição da senha do usuário.
  • confirmação Senha - Confirmação da senha que está sendo cadastrada.

Privilégios

  • Administração - Permissão para que o usuário tenha acesso a parte administrativa do Scriptcase.
  • Projetos - Ações que o usuário poderá realizar ao acessar um projeto.
  • Aplicação - Permissão de criação de aplicações.
  • Banco de dados - Ações que poderão ser realizadas pelo usuário com relação às opções de banco de dados.
  • Projeto - Projetos que os usuários terão acesso.

Em seguida, seremos redirecionados para a tela de Ligação da Administração do Projeto, onde podemos definir se o usuário será administrador de algum dos projetos listados. No exemplo abaixo, estou definindo que o usuário sc será administrador do projeto gradebook.

O administrador do projeto, pode realizar várias alterações nas preferências do projeto, conexões existentes entre outras coisas.

Definição dos administradores do projeto

Edição do Usuário

A tela de edição é semelhante à de criação de usuários, possuindo basicamente as mesmas opções de configuração.

Tela de edição de usuários do Scriptcase

  • Usuário - Login do usuário.
  • e-mail - E-mail de contato do usuário.

Privilégios

  • Administração - Permissão para que o usuário tenha acesso a parte administrativa do Scriptcase.
  • Projetos - Ações que o usuário poderá realizar ao acessar um projeto.
  • Aplicação - Permissão de criação de aplicações.
  • Banco de dados - Ações que poderão ser realizadas pelo usuário com relação às opções de banco de dados.
  • Projeto - Projetos que os usuários terão acesso.

Como ocorre na criação do usuário, seremos redirecionados para a tela de Ligação da Administração do Projeto, onde podemos definir os projetos em que o usuário terá privilégio de administrador. No exemplo abaixo, estou adicionando ao usuário sc a administração do projeto documents_library.

Edição dos administradores do projeto

Alterar Senha

Tela de alteração de senha. Devemos informar uma nova senha e confirmá-la.

Redefinir senha

Deletar usuário

Podemos deletar um ou mais usuários ao mesmo tempo.

Deletar Usuários

Ao deletar um usuário que possui aplicações vinculadas a seu login, deveremos informar se desejamos descartar estas aplicações ou transferi-las para algum outro usuário.

Definição do destinos das aplicações do usuário excluído

  • Excluir Aplicações - Todas as aplicações criadas pelo usuário em questão serão excluídas.
  • Mover Aplicações - Todas as aplicações serão movidas para o usuário informado.

Grupos

 Gerenciamento dos grupos de usuários. Ao acessar teremos uma lista dos grupos existentes com algumas informações pertinentes.

Esta opção estará disponível no meu lateral apenas ao selecionarmos Scriptcase no Tipo de Segurança

Tela de configuração de log

  • Nome - Nome dos grupos.
  • Descrição - Descrição dos grupos.
  • Usuários - Usuários pertencentes ao grupo.
  • Projetos - Projetos que os usuários do grupo têm acesso.

Ações

  • Usuários - Define os usuários que faram parte do grupo.
  • Editar - Edição do grupo.
  • Excluir - Deleta o grupo.

Abaixo, iremos detalhar as opções existentes.

Novo Grupo

Criação dos grupos, onde podemos definir os privilégios do grupo.

Tela de configuração de log

  • Nome - Nome do grupo.
  • Descrição - Descrição do grupo.
  • Privilégio de admin - Define se os usuários vinculados a grupo terão privilégio de administrador no Scriptcase.

Privilégios

  • Projeto - Define o privilégio dos usuários do grupo nos projetos acessíveis por este grupo.
  • Aplicação - Define a permissão de criação das aplicações deste grupo.
  • Conexões - Define o privilégio nas opções de banco de dados do projeto.

  • Projetos - Define os projetos que serão acessíveis pelo grupo.
  • Projetos Administradores - Define se o grupo terá permissão de administrador no projeto. Neste exemplo, os usuários do Grupo C serão administradores do projeto gradbook

Usuários

Após a criação dos grupos, podemos definir quais usuários farão parte dos grupos.

Definição dos usuários do grupo

LDAP

 Tela de sincronização com o LDAP. Devemos informar os dados corretos para realizarmos a sincronização com o servidor. Recomendamos a utilização do usuário administrador do LDAP, desta forma, todos os usuário e grupos do servidor serão listados. O utilizado para realizar a conexão com o LDAP terá privilégio de administrador no Scriptcase.

Esta opção estará disponível no meu lateral apenas ao selecionarmos LDAP no Tipo de Segurança

Tela de conexão com o servidor LDAP

  • Servidor - IP do servidor onde o LDAP está configurado.
  • Sufixo - domínio do servidor.
  • DN - Componente de domínio.
  • Usuário - Usuário administrador do servidor.
  • Senha - Senha do usuário informado.
  • Porta - Porta do servidor.

Após salvarmos os dados da conexão com o servidor LDAP, os usuários e grupos serão listados nas abas usuários e grupos respectivamente. Inicialmente, apenas o usuário administrador (usado para conexão com o LDAP) terá acesso ao Scriptcase. Os demais usuários dever ser habilitados e suas permissões configuradas assim como os grupos.

Usuários

Opção exibida ao selecionar usuários nas opções de Nível de Segurança, lista de todos os usuários armazenados no servidor LDAP. Podemos gerenciar os privilégios de cada usuário aos projetos e opções do Scriptcase.

Lista de usuários cadastrados no sistema

Grupos

Opção exibida ao selecionar grupos nas opções de Nível de Segurança, lista dos grupos existentes no servidor. Devemos acessar está aba para habilitar os grupos e configurar suas permissões no Scriptcase.

Listas de grupos criados no servior

Grupos / Usuários

Ao selecionar a o nível de segurança, Grupos/Usuários as duas abas serão exibidas. Neste caso, as permissões são definidas para os grupos de usuários e/ou para os usuários individualmente. Neste tipo de segurança as permissões do grupo e do usuário são somadas. Desta forma, por exemplo, poderá existir usuários pertencentes ao mesmo grupo mais que possuem permissões diferentes.

Lista de grupos e usuários do servidor LDAP

Projetos

 Lista dos projetos existentes no Scriptcase. É possível visualizar detalhes administrativos dos projetos, como usuários que possuem acesso, versão atual dos projetos, número de aplicações, entre outras informações.

Lista detalhada de projetos

  • Projeto - Nome do projeto.
  • Descrição - Descrição do projeto.
  • Criação - Data de criação do projeto.
  • Aplicações - Número de aplicações de cada versão do projeto. 1:33(Contagem de versões: Número de aplicações)
  • Ação - Detalhamento do projeto.

Ao clicar na lupa, ao lado do número de aplicações, é possível visualizar mais detalhes do projeto. Além de algumas informações vistas anteriormente, na lista dos projetos, podemos visualizar algumas outras informações.

Detalhe do projeto

  • Conexão - Lista de conexões do projeto.
  • Usuários - Usuários que possuem acesso ao projeto. Os usuários terão as permissões básicas do projeto, como a criação de aplicações
  • Administradores - Grupo/Usuários que são administradores do projeto. Com esta permissão é possível por exemplo, criar e editar conexões e acessar as propriedades do projeto.

A permissão de cada usuário deve ser configurada individualmente assim com as permissões dos grupos.

Online

 Podemos visualizar em tempo real todos os usuários logados no Scriptcase, a página atual de cada usuário, data e hora do último acesso entre outras informações.

Usuários online no Scriptcase

  • Usuário - Login do usuário online.
  • IP - IP da estação de trabalho onde o usuário está acessando.
  • Logon - Data e hora que o usuário efetuou o login.
  • Acesso - Data e hora que o usuário efetuou o logout
  • OnLine - Tempo decorrido desde o login no usuário.
  • Página - Página que o usuário está acessando no momento.
  • Aplicação - Aplicação que está sendo acessada no momento. Esta informação pode estar vazia se, por exemplo, o usuário logado estiver acessando o menu de administração.

Backup

O backup do Scriptcase trabalha de forma semelhante a exportação de projeto, porem o backup realiza a exportação de todos os projetos do Scriptcase, com todos os arquivos necessários para seu funcionamento. Para realizar o backup basta informar o nome do arquivo que será gerado.

Tela de backup do Scriptcase

Por fim, realizar o download do arquivo e armazená-lo em local seguro.

Tela de download do backup

Restore

 Permite a importação de um ou mais projeetos. Ao acessar o restore, é exibido uma lista dos backups realizados recentemente.

Tela de Restore do backup

  • Backup - Nome do arquivo gerado ao realizar um backup.
  • Criado em - Data e hora de criação dos backups listados.
  • Tipo - Tipo de backup realizado (ESTA OPÇÂO DEVE SER RETIRADA, NÂO EXISTE MAIS TIPOS DE BACKUP
  • Restaura - Restara o backup
  • Detalhe - Informa mais detalhes do backup.
  • Delete - Exclui o backup permanentemente.

Para restaurar algum outro backup, que não se encontra na lista acima, selecione restaurar zip e selecione um arquivo de backup criado pelo Scriptcase.

Após a escolha do backup que será restaurado, seremos redirecionados. Neste momento, devemos informar se desejamos sobrescrever os arquivos em duplicidade ou manter os arquivos existentes no Scriptcase.

Tela de Restore do backup

Configurar Log

 O Scriptcase armazena em seu banco de dados um log das principais ações realizadas pelos usuários. Por padrão, todas as ações são armazenadas em nosso banco. Nesta opção, podemos personalizar o registro de log do Scriptcase, marcando ou desmarcando as ações que devem ser armazenadas.

Tela de configuração de log

Visualizar Log

 Esta opção permite que possamos visualizar as principais ações realizadas pelos usuários, sendo armazenada separadamente por dia. No calendário, podemos selecionar a data desejada para visualizarmos as informações na balela ao lado. Os dias que possuem log estão destacados com um fundo azul claro.

Tela de configuração de log

  • Login - Login do usuário responsável pela ação.
  • IP - IP da estação de trabalho que o usuário realizou as ações descritas.
  • Hora - Hora que a ação foi realizada.
  • Tipo - Tipo ou local da ação realizada.
  • Ação - Ação que foi realizada.
  • Dados - Detalhamento da ação;

Scriptcase Update

 Área de atualização do Scriptcase. Todo o processo de atualização é feito através da internet utilizando o site do Scriptcase. Recomendamos a utilização uma conexão rápida e estável.

Inicialmente iremos verificar se existe uma nova versão do Scriptcase.

Atualização do Scriptcase

Posteriormente, podemos definir se a documentação offline e o prod usado pelo Scriptcase serão atualizados.

Verificação no manual e no prod do Scriptcase

Em seguida, poderemos visualizar o total de atualizações encontradas.

Download dos arquivos para atualização do Scriptcase

Após o início da atualização o processo não poderá ser interrompido.

Após o download e instalação de todos os arquivos, será exibido uma tela com a opção de acesso ao log de alterações que estará disponível ao clicar em: Clique aqui para ver o log do Scriptcase update.

Final do processo de atualização do Scriptcase

Registro OnLine

 Para este tipo de registro, devemos estar conectados à internet, para que possamos consultar as informações em nossos servidores.

Para registrar o Scriptcase é fundamental possuir as informações de acesso da conta que o serial está vinculado.

Informe os dados da conta (Login da conta de acesso ao Meu Scriptcase no site) e um serial válido (disponível para registro Aberto) vinculado a conta.

Registro do online do Scriptcase

  • Usuário - Login da conta vinculada ao serial que será informado.
  • Senha - Senha referente ao login informado.
  • Serial - Serial ativo e disponível para registro (Aberto) vinculado a conta informada acima.

Ao finalizar o registro, seremos deslogados no sistema.

Registro online realizado com sucasso

Registro OffLine

 Utilizado para casos onde a máquina utilizada para instalar o Scriptcase não possui acesso a internet. Este tipo de registro é feito em duas etapas, a etapa de Solicitação e o Registro propriamente dito.

Para registrar o Scriptcase é fundamental possuir as informações de acesso da conta que o serial está vinculado.

Solicitação

A tela de solicitação pode ser acessada no menu Licenças > Solicitação Offline

Dentro do Scriptcase, devemos solicitar o arquivo criptografado contendo as informações pertinentes para o registro da ferramenta.

Solicitação do arquivo para registro offline do Scriptcase

  • Usuário - Login da conta vinculada ao serial que será informado. (Login da conta de acesso ao Meu Scriptcase no site)
  • Senha - Senha referente ao login informado.
  • Serial - Serial ativo e disponível para registro (Aberto) vinculado a conta informada acima.

Após finalizar a solicitação, em posse do arquivo gerado, acesse o site através do link https://www.scriptcase.com.br/licenserequest/.

Ao realizar o login veremos a tela abaixo.

Passo-a-passo da solicitação do arquivo para registro offline

Informe o serial que deseja utilizar para o registro (O mesmo usado para gerar o arquivo no Scriptcase) e realize o upload do arquivo .rec, posteriormente será gerado um arquivo .lic, realize o download do mesmo e retorne ao seu Scritcase.

Registro

Retornando ao Scriptcase, em administração acesse Licenças > Solicitação Offline no menu lateral.

Informe novamente os dados da conta e o serial que está sendo utilizado para o registro, e realize o upload do arquivo .lic baixado do site.

Tela de registro offline do scriptcase

  • Usuário - Mesmo login utilizado para gerar o arquivo .rec no início do artigo. (Login da conta de acesso ao Meu Scriptcase no site)
  • Senha - Senha referente ao login informado.
  • Serial - Mesmo serial utilizado para solicitar o arquivo .rec.(Serial ativo e disponível para registro(Aberto) vinculado a conta informada acima.)
  • Upload - Realize o upload do arquivo .lic gerado no site.

Ao efetuar o registro, será necessário deslogar do Scriptcase.