Abrir tópico com a navegação

Conectando com Oracle ODBC

Conectando com Oracle ODBC no Linux

A instalação automática do Scriptcase já vem com o ODBC pré-configurado, faltando apenas o driver UnixODBC para realizar a conexão.

Adicionar a arquitetura i386 e instalar os pacotes abaixo :

UBUNTU\DEBIAN
CENTOS\RHEL

- sudo dpkg --add-architecture i386

- sudo apt-get update

- sudo apt-get install unixodbc-dev:i386 unixodbc:i386

- sudo yum update

- sudo yum install unixODBC.i686

Reinicie o serviço web :

- sudo /etc/init.d/apachesc81 restart

Abrir tópico com a navegação

Drivers Oracle

Atualmente o ScriptCase possui quatro drivers para conexão com o banco de dados Oracle: Oracle 8.0.5 ou Acima, Oracle 8, Oracle ODBC e Oracle 7 ou menor.

Abaixo, podemos ver suas características:

Oracle 8.0.5 ou Acima ( Recomendado ) : Possibilita realizar conexão e utilizar as novas funcionalidades do banco de dados Oracle 8.0.5 ou superior.

Oracle ODBC : Possibilita realizar conexão através de uma fonte de dados ODBC utilizando o Driver ODBC para Oracle.

Oracle 8 : Possibilita realizar conexão e utilizar as novas funcionalidades do banco de dados Oracle 8.

Oracle 7 ou menor : Possibilita realizar conexão e utilizar as funcionalidades do banco de dados Oracle 7 ou inferior.

Criando um Conexão no Scriptcase

Conectando-se ao Oracle no Scriptcase

Abrir tópico com a navegação

Agora acessaremos o ScriptCase pelo browser e vamos criar a conexão com a base de dados do Oracle.

Passo 1: Acesse o seu ScriptCase, por exemplo, http://localhost:8081/scriptcase/ na barra de ferramentes vá até o ícone destacado na figura a abaixo, referente a "Nova Conexão".

Passo 2: Após clicar em “Nova”, irá aparecer a tela de criação de conexão, clique na imagem do banco Oracle.

Passo 3: Na imagem a seguir, preencha as especificações pedidas:

Para mais detalhes na configuração da conexão do banco da dados clique na aba Avançado

Filtro - Clicando nessa Aba, aparecerá a seguinte tela:

Passo 4: Sempre teste a sua conexão antes de concluir a mesma, se aparecer a mensagem “Conexão Realizada com Sucesso", então conclua a criação da conexão.
Se houver alguma falha na conexão, reveja os campos preenchidos, principalmente o usuário, senha, servidor e a base de dados.

Verifique se o módulo está devidamente habilitado no PHP.